Argentina assina contrato de importação da vacina Sputnik V

22-12-2020

Até o final de 2020, país receberá 600 mil doses da vacina russa contra covid-19, o que permitirá vacinar 300 mil pessoas. Entre janeiro e fevereiro, Rússia promete enviar outras 20 milhões de doses da vacina.

O governo da Argentina assinou um acordo com a Rússia para o fornecimento da vacina russa contra o coronavírus, a Sputnik V. A informação foi anunciada pelo presidente argentino Alberto Fernández.

Segundo o jornal argentino Clarín, Fernández declarou que, até o final de 2021, a Argentina receberá 600 mil doses da vacina, o que permitirá vacinar 300 mil pessoas. Outros 20 milhões de doses da vacina russa serão entregues à Argentina entre janeiro e fevereiro de 2021, segundo o jornal estatal russo Rossiyskaya Gazeta.

De acordo com Fernández, Buenos Aires assinou contratos de importação de diferentes tipos de vacinas, mas as outras ainda não receberam a aprovação da agência reguladora nacional de drogas. Devido à logística complicada, os prazos da entrega das outras vacinas são desconhecidos e, assim, segundo o presidente, é crucial obter a vacina que já está em uso.

Fonte: https://br.rbth.com/ciencia/84776-argentina-comprou-sputnik-v?fbclid=IwAR3yk5InTGmxS7KzqeOCAA81Lghl4LlTRs24idf0iGw3-DJHr_QSxt0qJGU